43,3% dos professores consideram que trabalhos realizados à distância não contam para nota

0
344
Imagem: br.freepik.com

Um estudo, realizado entre os dias 2 e 6 de abril, junto dos professores que estão atualmente a lecionar à distância, descobriu que para 43,3% destes profissionais as tarefas que os alunos realizam nestas condições não deveriam ser sujeitas a avaliação. Já 46,6% consideram que os trabalhos devem contar para nota, mas com um valor menor, no que respeita à classificação final do estudante.

Este estudo, realizado pelo blogue ComRegras, do professor Alexandre Henriques, aponta ainda que 23% dos professores consideram que os alunos efetivamente concretizaram as tarefas pretendidas.

Para o autor do blogue, tal pode dever-se ao facto de este ser um modelo totalmente novo – e inesperado – de ensino, bem como o facto de o 2º período estar a terminar, o que provoca algum desinteresse nos alunos.

Recorde-se que o 3º período continuará a ser lecionado online, para os alunos até ao 9º ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here