DECO pede prolongamento das moratórias privadas

0
177
Imagem: dicasdaitalia

As moratórias privadas viram o seu prazo terminar em março. Muitas famílias têm, por isso, de regressar ao pagamento das suas prestações bancárias já em abril.

Todavia, a DECO, pela voz da responsável pelo Gabinete de Proteção Financeira, Natália Nunes, alerta para a dificuldade que as pessoas continuam a ter em pagar os seus compromissos prestacionais mensais, sobretudo considerando aqueles que tiveram perda de rendimentos durante a pandemia. Assim, existe a possibilidade de muitas famílias entrarem em incumprimento desde o mês de abril.

Os empréstimos hipotecários que estavam abrangidos pelas moratórias privadas ascendem ao valor de 3,7 mil milhões de euros. O Partido Comunista Português (PCP) já apresentou uma proposta solicitando que estas moratórias sejam prolongadas por mais seis meses, terminando assim também em setembro, tal como as moratórias públicas.

Para Natália Nunes, essa é uma medida urgente, para evitar que as famílias entrem em incumprimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here