Pagamentos com cartões ultrapassam utilização de numerário

0
113

As notas e moedas foram ultrapassadas pelos cartões bancários, no que respeita aos pagamentos.

Segundo um estudo do Banco de Portugal, divulgado esta terça-feira, entre os anos de 2017 e 2022 o uso de numerário caiu 28%. Foram 2,4 mil milhões as transações realizadas em notas e moedas, contra 2,6 mil milhões de transações que foram efetuadas com cartões de débito ou crédito, o equivalente a uma subida de 60% no período em análise.

Em 2022, 43% dos pagamentos foram feitos utilizando moedas e notas, enquanto 46% das transações foram realizadas através de cartão bancário.

De notar que a análise feita ao pagamento por numerário foi feita através de entrevistas a consumidores privados (813, realizadas entre janeiro e fevereiro de 2023), excluindo pagamento realizados a instituições públicas e empresas, dada a dificuldade de rastrear este tipo de movimentos.

A população continua, porém, a valorizar o facto de poder pagar em numerário. Para 82% dos inquiridos considera que essa possibilidade é “importante ou extremamente importante”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here