PGR emitiu o parecer sobre as eleições e eleitores em confinamento poderão votar

0
116

As pessoas que estiverem infetadas com Covid-19 no dia 30 de janeiro vão poder sair para exercer o seu direito de voto.

A Procuradoria-Geral da República já emitiu o seu parecer e a ministra da Administração Interna, Francisca Van Dunem revelou que quem estiver infetado com Covid-19 no dia 30 de janeiro pode sair para votar, mas estritamente para exercer esse direito, devendo depois voltar ao confinamento.

Francisca Van Dunem explicou que as pessoas a quem este quadro se aplique terão um horário específico para o fazer.

A diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, esteve também presente nesta conferência de imprensa, onde destacou precisamente a questão do horário que será definido para que quem esteja infetado com Covid-19 possa votar. O objetivo é, segundo a própria, evitar ao máximo a convivência entre pessoas infetadas e não infetadas. Graça Freitas alertou ainda que as pessoas que estiverem ao serviço das mesas de voto poderão ser portadoras de equipamento de proteção individual reforçado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here