“A paixão é fundamental para uma carreira de sucesso”

Vânia Guerreiro trabalha há cerca de 20 anos nas áreas da Comunicação e Marketing, ocupando atualmente o cargo de Head of Branding, Communication & Happiness na iServices. Apaixonada pela sua área profissional, assume que a sua plenitude e equilíbrio provêm, em parte, das suas conquistas profissionais, mas que o equilíbrio com a parte pessoal e familiar é importante para continuar a fazer o que gosta.

0
403

Como analisa o seu percurso profissional, que é bastante diverso, até ao momento?

Licenciei-me em Arquitetura, mas percebi que o meu talento natural se encontrava nas coisas do Marketing e das Ciências da Comunicação. Investi sempre na minha formação profissional e mais tarde realizei uma pós-graduação em Comunicação Social no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas e um Mestrado em Comunicação Estratégica, na Universidade de Lisboa. Iniciei a minha carreira em 2002, ao abraçar um estágio profissional na Câmara Municipal de Fronteira, durante um ano, mas regressei à capital para ingressar numa empresa de consultoria ligada ao Canal Autodesk Portugal, onde trabalhei durante sete anos e na qual fui
responsável pela área de marketing e comunicação. Foi sobretudo aqui que cresci profissionalmente, porém entre 2011 e 2019 passei por algumas experiências muito enriquecedoras. Tive o privilégio de trabalhar numa agência de comunicação, numa empresa de consultoria e numa multinacional ligada ao universo dos serviços digitais. Todas as empresas por onde passei possibilitaram-me um acumular de conhecimento, consciência e compreensão sobre aquilo que me entusiasma e motiva nas Ciências da Comunicação. Quando ingressei no Doutoramento, encontrei também a minha paixão: a iServices. Atualmente, assumo o cargo de Head of Branding, Communication & Happiness. Aqui escrevo sobre Tecnologia e dedico os meus dias a descobrir as novidades da comunicação estratégica que me permitam levar a marca cada vez mais longe.

iServices Ponta Delgada

Que características considera fundamentais para liderar?

Existem sete características que considero fundamentais e que estão, geralmente, associadas a líderes inspiradores e bem-sucedidos. Visão clara e objetiva; comunicar de forma eficaz; habilidade para tomar decisões;
capacidade de automotivação e de motivação da equipa; empatia; adaptabilidade; e integridade.

Que desafios ainda considera existir, no que respeita às mulheres e ao seu posicionamento no mercado de trabalho, que importa alterar rapidamente?

No que respeita às mulheres e ao seu posicionamento no mercado de trabalho, embora tenham sido feitos avanços significativos nas últimas décadas, ainda existem desafios persistentes que precisam de ser enfrentados e alterados. Há ainda um longo caminho a ser percorrido, em Portugal. A igualdade de género no local de trabalho é uma questão crucial, que afeta não apenas as mulheres, mas também a nossa sociedade como um todo.

Um dos desafios mais prementes é a disparidade salarial de género, por exemplo. Na iServices este problema não existe, mas é do conhecimento geral os inúmeros estudos que demonstram que, em Portugal, as mulheres
continuam a enfrentar salários mais baixos em comparação com os seus colegas masculinos em muitos setores e ocupações. Outro desafio é a falta de representação das mulheres em cargos de liderança e tomada de decisão. A sub-representação das mulheres em cargos de liderança limita as suas oportunidades de ascensão profissional e perpetua estereótipos de género. Além disso, a maternidade continua a ser um obstáculo significativo para muitas mulheres no mercado de trabalho. A discriminação e a falta de suporte adequado para as mães
trabalhadoras impactam negativamente as suas perspetivas de carreira. Ressalvo no entanto que, na iServices , a nossa realidade é incontestavelmente igualitária no que toca às questões de género, parentalidade e
representação em cargos de liderança.

iServices Arrábida Shopping

Que impacto tem a sua vida profissional e as suas responsabilidades na gestão da sua vida pessoal?

A gestão bem-sucedida da minha vida profissional e das minhas responsabilidades tem tido um impacto positivo na minha vida pessoal e familiar. Desde cedo que adotei uma abordagem equilibrada e proativa, tendo sido
capaz de conciliar as diferentes dimensões da minha vida em todas as esferas: pessoal, familiar, académica e profissional.

A minha vida profissional tem-me proporcionado sempre um sentido de propósito e realização pessoal. Ao assumir responsabilidades no trabalho e ao alcançar metas profissionais, sinto-me capacitada e confiante. Essa realização profissional transcende para a minha vida pessoal e familiar, tornando-me mais feliz e satisfeita comigo mesma. A sensação de progresso e sucesso profissional fortalece a minha autoestima e melhora a minha qualidade de vida no geral, uma vez que tenho adotado sempre uma abordagem consciente para gerir o meu tempo e definir prioridades.

Embora possam existir desafios ocasionais, acredito firmemente que é possível equilibrar as várias vertentes da nossa vida para garantir plenitude. Ao estabelecer limites saudáveis, ao definirmos metas realistas e ao praticarmos uma gestão eficiente do tempo, conseguimos sempre integrar harmoniosamente as responsabilidades profissionais com as nossas necessidades pessoais. Esta é a minha visão e é isso que me tem permitido disfrutar de uma vida gratificante em todos os aspetos.

Em resumo, a minha vida profissional tem tido um impacto positivo na minha vida pessoal, proporcionando um senso de propósito, realização e plenitude pessoal. Acredito firmemente que o equilíbrio é alcançável e que
cada aspeto da minha vida pode complementar e enriquecer o outro, permitindo-me viver uma vida feliz e significativa.

iServices Faro

Quais as palavras-chave que gostaria de destacar e deixar às novas gerações que também pretendem construir uma carreira de sucesso e, simultaneamente, uma vida pessoal feliz?

Em primeiro lugar, paixão. Encontra algo que verdadeiramente ames fazer. Em seguida, persistência. Para alcançar uma carreira bem-sucedida e uma vida pessoal feliz, é necessário esforço e dedicação. Além disso, o equilíbrio é fundamental. Encontrar um equilíbrio saudável entre o trabalho e a vida pessoal é essencial. Não
te esqueças do autocuidado. Cuida de ti mesmo(a) física, mental e emocionalmente. Outro aspeto importante é o networking. Constrói relacionamentos significativos e mantém uma rede de contactos diversificada. Sê resiliente. Prepara-te para lidar com obstáculos e adversidades que possam surgir. Por fim, mas não menos importante, integridade. Constrói a tua carreira com base em valores sólidos e ética. Mantém-te fiel aos teus princípios e trata os outros com respeito e empatia.

Fotos: Filipe Pombo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here