Banco de Portugal aponta para recessão de 9,5%

0
221
Imagem: Diário As Beiras

O Banco de Portugal apresentou a sua previsão para a recessão económica, cifrada em 9,5%, mais pessimista que a previsão governamental, que apresentou um valor de 6,9%, inscrito no Orçamento Suplementar.

Além disso, o banco alerta ainda para a possibilidade de a recessão ter contornos ainda mais graves, que rondem os 13%, caso haja uma segunda vaga de Covid-19.

De acordo com as previsões do banco liderado por Carlos Costa, esta recessão só tem paralelo com a Grande Depressão, causada pelo crash de Wall Street, em 1929. O PIB irá ter uma redução significativa, estimada em 9,5%.

A economia retomará a sua atividade, mas essa retoma será mais efetiva a partir do terceiro trimestre e ainda existe o risco, que deve ser considerado, de uma segunda vaga de Covid-19, que poderá obrigar novamente ao fecho das atividades económicas e, consequentemente, levará ao aumento da recessão, que poderá chegar aos 13,1%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here