Parlamento Europeu aprova ajuda monetária aos Estados-membros que acolhem refugiados ucranianos

0
139

A proposta foi aprovada com 549 votos a favor, um contra e oito abstenções – o Parlamento Europeu autoriza, desta forma, uma ajuda no valor de 3,4 mil milhões de euros aos países-membros da União Europeia que têm recebido refugiados ucranianos.

A ideia é que esta ajuda monetária alivie a pressão sobre os orçamentos nacionais, de forma a permitir que os países possam responder da melhor forma ao fluxo de refugiados que vai chegando.

O pré-financiamento do valor referente a 2021 do REACT-EU será aumentado de 11 para 15%, enquanto que, para os países que receberam refugiados em número superior a 1% da sua população nacional, o valor será aumentado em 45%.

Nesta última situação estão países como Polónia, Hungria, Roménia, Eslováquia, Bulgária, Áustria, República Checa, Estónia e Lituânia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here