Potenciar a tecnologia através das pessoas

A Visual Nuts apresenta-se como uma empresa inovadora, que propõe soluções de vanguarda, disruptivas, equilibrando o valor humano e a necessidade tecnológica. Miguel Veloso, o CEO da empresa, explica que as soluções desenhadas pela Visual Nuts têm sempre como objetivo final otimizar operações e ser uma garantia de valor, para o cliente.

0
612
Miguel Veloso, CEO

Como se caracterizam, enquanto empresa virada para o cliente?

A Visual Nuts, ao ter uma visão tecnológica na sua origem e essência, estimula a equipa para entender, desenvolver e entregar as melhores soluções, talhadas para grandes aventuras à escala global. Somos uma empresa que, além de ter um espírito jovem, é dinâmica, experiente e muito objetiva – temos dois focos fundamentais: a valorização das pessoas e a proximidade com o cliente. A nossa capacidade e espírito, em conjunto com uma perceção detalhada sobre a visão dos nossos clientes, permitem-nos criar valor. É com esta mentalidade que exploramos possíveis soluções, que posteriormente automatizam e otimizam operações, melhoram a comunicação organizacional digital e potenciam vendas, faturação ou até poupança.

Quais as áreas de atividade que definem o vosso core business?

Focamo-nos em várias áreas onde temos a certeza de que conseguimos ser efetivos, acrescentando know-how e mais-valia, entre elas a infraestrutura, a arquitetura e o desenvolvimento de software, design e digital marketing – uma área mais recente, onde já alcançámos feitos muito interessantes. No fundo, pretendemos garantir que qualquer serviço prestado aos nossos clientes seja feito da maneira mais correta, ágil e conveniente possível e, por agora, é nas áreas mencionadas que somos profícuos.

Sediados em Lisboa têm, no entanto, presença e trabalho um pouco por todo o mundo, através dos vossos parceiros, nomeadamente a SupplyStack. Quais os projetos que gostaria de destacar, desenvolvidos dentro desta parceria? Qual a importância da mesma para que estes projetos sejam concretizáveis com sucesso para o cliente?

A nossa relação com a SupplyStack é realmente de destacar – além de cliente, faz parte da família Visual Nuts. Temos grande admiração pelas ideias com que se têm diferenciado no setor da logística – em conjunto, desenvolvemos vários produtos que permitem desde a otimização temporal à visibilidade em tempo real sobre várias operações logísticas, utilizados por várias entidades como a DHL, Duracell ou Sony. Isto fez com que as mesmas transitassem do Excel (ou de processos obsoletos) para um ecossistema mais fácil, ágil e rápido. Curiosamente, o serviço que prestamos é um misto de equipas dedicadas com acelerador de produto. Além de os estarmos a reforçar remotamente com pessoas experientes, temos também a possibilidade de propor e intervir na base tecnológica da empresa, o que motiva imenso a equipa.

A automatização de algumas tarefas e a otimização de processos é fundamental para a produtividade das empresas. Como pode a Visual Nuts ajudar nesta otimização e transformação digital? Que soluções apresentam?

As nossas soluções tanto passam por produtos já desenvolvidos por nós que são integrados nas estruturas dos nossos parceiros, como pela experiência e dinâmica que conseguimos acrescentar a qualquer organização. Seja através do nosso acelerador de produto (onde criamos desde protótipos a produtos finais com base na necessidade dos nossos clientes), do reforço das equipas dos nossos parceiros, ou das soluções criadas internamente. A meta é sempre entregar os melhores resultados com a máxima prontidão. Um exemplo de um produto nosso que tem ajudado organizações a automatizar processos corporativos é o Fullsight – uma plataforma de gestão e automatização empresarial para PME’s no ramo da consultoria e trabalho temporário.

Em tempos de pandemia, como foi possível à Visual Nuts manter todos os projetos em contínuo desenvolvimento e continuar próxima dos clientes?

Tivemos de nos adaptar às circunstâncias. Revisitámos vários processos para manter uma comunicação efetiva e criámos condições alternativas para que todos se continuassem a identificar com a cultura Visual Nuts. Acreditamos que o convívio entre todos nos torna uma equipa entrosada e produtiva. Somos mais digitais que nunca e centralizamos muitos processos de maneira a continuarmos sincronizados. As nossas discussões técnicas passaram de um quadro branco para plataformas online e toda a comunicação e formações passaram a ser feitas de forma virtual. Foi um grande desafio manter os nossos eventos com uma recorrência saudável e reinventá-los de maneira a garantir a motivação e felicidade de todos os colaboradores. Esta mudança de paradigma também afetou positivamente os nossos clientes, na medida em que nos tornámos virtualmente mais próximos. Acabámos por envolvê-los muito mais na nossa estrutura e processos. O nosso feedback e soluções, além de mais ágeis, estão a um clique de distância.

Considerando que a pandemia veio alterar significativamente as tendências de mercado e mesmo a forma de trabalhar, quais os próximos projetos e objetivos da Visual Nuts?

Felizmente, temos uma equipa com imenso potencial para grandes voos. Vamos continuar a apostar no nosso know-how, porque a formação contínua é indispensável nas nossas relações atuais e futuras. O reconhecimento nacional e internacional que vamos obtendo à medida que crescemos é extremamente motivante, mas o nosso objetivo continua a manter-se desde a nossa fundação: desenvolver as melhores soluções para colmatar necessidades e dificuldades de qualquer empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here