Tecnologia nacional ao serviço de negócios imobiliários

A Century 21 Arquitetos é uma agência imobiliária com uma equipa de consultores imobiliários com experiência e conhecimento no mercado imobiliário e que agregam também experiência nas áreas da construção e de projeto. Em 2020, apesar da pandemia, venceram vários prémios da área imobiliária e a broker, Joana Resende, diz-se muito orgulhosa do trabalho desenvolvido e da equipa.

0
423
Joana Resende, broker

Têm experiência em várias áreas de atividade. Em que é que isso se mostra uma mais-valia no vosso dia a dia?

Dada a minha formação e Know-How da empresa, que até 2015 se dedicava exclusivamente às áreas de projeto e construção, agregamos e oferecemos mais valor que as mediadoras tradicionais. Quer seja pelos conhecimentos adquiridos, quer pelo leque de profissionais que connosco colaboram, mesmo na mediação o serviço prestado é muito mais completo e transmite uma sensação de maior segurança aos nossos clientes.

Como caracterizaria o mercado imobiliário da região onde estão inseridos e como é que a forma de o trabalhar vos distingue, de forma inovadora, das restantes agências imobiliárias?

Trabalhamos dois mercados com algumas diferenças entre si. Embora o mercado imobiliário nacional esteja a ultrapassar uma fase idêntica em quase todo o território, há particularidades quer ao nível de oferta, quer de procura, que diferenciam um mercado periférico (como é o da nossa loja de Gondomar), de um mercado como o do Centro do Porto. Não obstante, a nossa empresa é um todo e fazemos questão de oferecer um serviço igual e completo para ambas as realidades.

A Century 21 Arquitetos venceu, em 2020, os prémios de “Transações Goal Norte” e “Faturação Goal Norte” e foi a 10ª agência mais bem posicionada em termos de faturação. Apesar da pandemia e das limitações que esta trouxe, 2020 acabou por ser um bom ano?

2020 foi um ano muito bom para a nossa empresa, como de resto os vários reconhecimentos vieram demonstrar. Mesmo nos meses de confinamento, e com grande parte da equipa em teletrabalho, conseguimos acompanhar clientes e realizar negócios. Foi um esforço enorme de todos, e pelo qual sou muito grata.

Como se adaptou a Century 21 Arquitetos às novas necessidades, quer a nível de medidas de segurança, quer às novas formas de trabalhar na área imobiliária, durante 2020 e até ao momento?

O facto de a equipa ter de estar separada foi a nossa maior dificuldade. No que concerne ao trabalho, desde o início de 2020 que apostámos nas ferramentas digitais, o que acabou por se revelar uma grande vitória. Antes mesmo do primeiro confinamento, já tínhamos iniciado a realização de visitas virtuais para todos os nossos imóveis, o que possibilitou manter todo o acompanhamento aos potenciais compradores e concretizar o negócio assim que foi possível voltar ao terreno. O facto de a CENTURY 21 Portugal nos ter dotado de uma ferramenta de assinatura digital ajudou a dar continuidade ao negócio à distância.

Como antecipa 2021 para a Century 21 Arquitetos?

O ano de 2021 começou da melhor forma, com um ritmo de negócio muito próximo ao que era em pré-Covid. Antevejo por isso o resto de um ano muito profícuo no que ao negócio diz respeito, com um claro crescimento da equipa em ambas as lojas, e o foco sempre naquilo que é o nosso objetivo: melhor servir o nosso cliente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here