Há três anos a construir sonhos

“Sonhar grande ou sonhar pequeno dá o mesmo trabalho”. A frase atribuída a Jorge Paulo Lemann, considerado em 2019 o homem mais rico do Brasil, explica bem a filosofia da TB Construções e do seu diretor, Darcy Junior. Para esta empresa de construção civil – que recentemente se posicionou também na área da promoção imobiliária – os sonhos de cada pessoa não são medidos pelo tamanho do projeto que solicitam. Focada nas pessoas – clientes, parceiros e colaboradores – participa no desenvolvimento da comunidade através do projeto TB Social.

0
226

A TB Construções é uma empresa de construção civil que preza pela ideia de realizar sonhos dos seus clientes. Considerando o vosso tempo de mercado, que balanço faz deste projeto?

Eu já ando nas obras desde pequeno e, ao longo dos anos, já estive em todos os lados da construção, executando, gerindo, comercializando e investindo, portanto, conheço bem todos os lados que contemplam o mercado imobiliário. Acredito que esse conhecimento, unido a boas contratações para gestão interna e boas parcerias externas, foi o que gerou o resultado positivo da empresa. Isso permitiu-nos posicionar no mercado enquanto promotores imobiliários, de forma a podermos projetar, construir e vender os nossos próprios imóveis. Temos quatro imóveis em carteira para este ano, todos já vendidos, e esperamos dobrar este
número no próximo ano.

A TB Construções conta com 40 colaboradores e é ainda responsável pelo projeto TB Social, que procura ajudar pessoas em situação financeira difícil. Parece-lhe que são essas funções sociais que também tornam as empresas membros ativos de uma comunidade? Quão importantes são as pessoas, para vós?

O nosso intuito é contribuir e investir em pessoas, através do projeto TB Social. A TB Construções tem formado trabalhadores dentro da própria empresa. Apesar de ser dispendioso, o resultado final costuma ser muito positivo. Queremos ser a TB Construções que faz diferença na vida da comunidade e das pessoas, desde o cliente que nos contrata para projetar e construir a sua moradia até ao funcionário que conta com o seu ordenado para sustentar a família. Construir sonhos não quer dizer só construir casas, prédios, mas também construir um ambiente melhor para se viver e queremos fazer parte disso.

A construção civil é uma área que atravessa grande evolução. Como se posiciona a TB Construções relativamente à contínua necessidade de evoluir, conhecer e utilizar as mais avançadas tecnologias e materiais?

O mercado vai evoluir naturalmente, principalmente com tanta tecnologia disponível. Entretanto, temos tirado o máximo proveito para evoluir em simultâneo e melhorar, criando boas parcerias, conhecendo de perto a evolução dos materiais, formações específicas e formação interna para garantir o que mais importa: “resultado final”.

Quais as dificuldades com que se debatem as empresas da construção civil atualmente e que lhe parece importante mencionar?

Como dizia Martin Luther King: “Se não puder voar, corra! Se não puder correr, ande! Se não puder andar, rasteje! Mas mantenha-se em movimento”. As dificuldades vão existir sempre. Eu poderia reclamar de algumas empresas que trabalham muito barato, ou do custo elevado para manter um funcionário… seria grande a lista de reclamações, mas acho desnecessário, pois há espaço para todos. As dificuldades vão sempre existir, independentemente do tamanho da empresa. Cabe a cada um aprender a lidar com isso. Momentos difíceis criam pessoas fortes.

Que projetos gostaria de salientar, como aqueles que, de alguma forma, se destacam?

Um projeto começa com um sonho, portanto, para mim todos se destacam. Uns são maiores, outros menores, uns mais caros, outros mais baratos, mas eu seria injusto se destacasse algum projeto, já que no fundo cada um tem uma importância individual para cada pessoa.

Como antecipa o futuro deste setor, tendo em conta as dificuldades que o mundo atualmente atravessa? Especificamente para a TB Construções, como se desenha o futuro?

Esses dois últimos anos foram recheados de surpresas, que dificultam um planeamento a longo prazo, devido à incerteza. Vamos apostar na promoção imobiliária e nas boas parcerias, mas estamos otimistas que o mercado imobiliário se vai manter estável e a crescer. Portugal está em primeiro lugar em questões como Segurança e Clima e isso são bons indicadores para a construção civil e para o imobiliário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here