“Mais tráfego online fez aumentar o cibercrime”

A Techsul caracteriza-se pela sua grande capacidade de trabalho nos mais variados projetos relacionados com soluções de software, sobretudo devido à sua equipa altamente qualificada. Além disso, está presente em dois continentes, tendo internacionalizado os serviços. Bruno Nunes, o diretor da empresa, destaca as mais-valias dos softwares TechRest e TechPOS em particular, nesta entrevista.

0
217

Que mais-valias identifica na vossa forma de estar com os clientes que tornam os vossos serviços distintos das restantes empresas da área?

Na Techsul existem três fatores que nos distinguem das restantes empresas: primeiro somos uma marca sólida e de confiança, que dá segurança a quem opta pelas nossas soluções e garantias de que continuará a ter acompanhamento, principalmente ao nível das
atualizações legais de que as empresas necessitam; depois, acreditamos que apenas um produto que se encontre em constante inovação/desenvolvimento poderá acompanhar as empresas nos seus desafios do dia a dia e, por último, a nossa rede de parceiros
tecnológicos, com conhecimento para acompanharem os clientes em todas as fases do
negócio, desde o aconselhamento, implementação e apoio.

Têm três soluções em destaque: TechRest, TechPOS e TechPOS Mobile, além de trabalharem também com software PHC. Como caracteriza estas soluções, a que áreas se destinam e como se distinguem das outras soluções concorrentes?

As nossas soluções funcionam com ou sem internet, e sempre que têm internet disponível efetuam backup de 10 em 10 segundos de toda a informação, permitindo aos nossos clientes um acompanhamento praticamente em tempo real das vendas através de um portal. Além da consulta das vendas, é possível também alterar/criar produtos, gerar ficheiro SAFT, tirar listagens e outras funcionalidades, através do portal. O software TechRest é uma solução avançada de gestão para a restauração, que integra com pda, monitores de cozinha, impressoras de pedidos, máquinas de pagamento automático, entre outras funcionalidades;
o software TechPOS é uma solução indicada para o setor do retalho e o TechPOS Mobile é uma solução para a mobilidade. Distinguem-se das soluções concorrentes por diversos fatores: layout uniforme em todos os produtos, rigor no cumprimento de todas as normas exigidas pela Autoridade Tributária, possibilidade de várias lojas por datacenter, independente do tipo de programa (Techrest, TechPOS ou TechPOS Mobile), cloud hibrída, etc.

Comparativamente com o mercado externo, que diferenças existem no mercado português relativamente à importância dada ao software para o desempenho de tarefas do dia a dia empresarial?

O mercado português é um dos mais avançados a nível europeu, ainda há muitos países com PIB muito superior ao nosso que não têm sistemas de faturação. Como fomos um dos primeiros países a nível de certificação de software, deu-se aí a grande revolução.
Exportamos para o continente africano, onde alguns países estão a dar os primeiros passos a nível de certificação, como é o caso de Cabo Verde. Angola já implementou a certificação e Moçambique vai iniciar o processo.

Quais os desafios que se colocam para o futuro próximo, no que diz respeito à transição digital e ao aumento das presenças online e da utilização de software das empresas nacionais?

Com a pandemia, as empresas sentiram ainda mais a necessidade de procurar novos caminhos no digital. Estas mudanças ao nível tecnológico, organizacional e social são fundamentais para melhorar o desempenho, aumentar o alcance e garantir melhores resultados. No entanto, como sempre existe o reverso da medalha e a segurança dos dados e o crime cibernético serão desafios muito importantes, a que todos devemos estar atentos. Este sempre foi o foco da Techsul – a segurança dos dados – daí termos backup automático de 10 em 10 segundos nos nossos softwares. Outros desafios serão a resistência à mudança e a comprovação de retorno, pois muitas das mudanças são de longo prazo e de resultados
indiretos. A capacitação dos colaboradores e/ou integração de novos recursos na equipa também são um input para uma transição digital com sucesso.

Como será a evolução da Techsul este ano e a médio prazo?

Prevemos continuar a crescer e a consolidar a Techsul como uma empresa de referência no mercado. O mundo digital está em crescimento e já é reconhecido como uma ferramenta muito importante para as empresas, em alguns casos até de sobrevivência. As empresas já viram as mais-valias e é nesse caminho que queremos continuar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here